Tudo o que precisa de Saber sobre a nova Pandemia de Gripe A e o Vírus H1N1.
2.10.09

 

A vacina contra a Gripe A vai começar a ser administrada a partir do dia 26 de Outubro, em quantidades muito limitadas de cerca de 49 mil doses, foram escolhidos alguns grupos para serem os primeiros a ser vacinados.

 

As Grávidas: Entre os casos mais graves de infecção e os casos fatais, encontra-se uma maior incidência nas grávidas, nesta primeira fase e com um número limitado de vacinas, só as grávidas no segundo e terceiro trimestre de gestação e dentro destas só as que "apresentem patologias graves associadas".

 

Doentes crónicos e Obessos: Grupos de alto risco, que também vão ser dos primeiros a receber a vacina.

 

Profissionais de Saúde e outros Indispensáveis para o Normal Funcionamento da Sociedade: Mesmo dentro dos profissionais de saúde terá que existir uma triagem e só aqueles que não podem ser substituídos recebem a vacina em primeiro lugar. Outros profissionais indispensáveis nas áreas do abastecimento de energia eléctrica, água, gás etc...

 

Governantes: A própria ministra da Saúde revelou que ela vai ser uma das primeiras a receber a vacina, assim como a maior parte dos membros do Governo, esta medida que poderá ser encarada com algum cepticismo pela população é de facto necessária.

 

A administração das vacinas será feita exclusivamente no Serviço Nacional de Saúde, e é gratuita, Portugal irá receber todas as semanas uma nova remessa de vacinas e está previsto que até ao final do ano estejam vacinados 1 milhão de Portugueses. Como tal a maioria não vai ser vacinada até ao final do Inverno, período em que se acredita que existirá um maior número de casos, por isso a prevenção do contágio deve continuar a ser a principal prioridade de todos.


Artigos Relacionados:

link do postPor Babuíno, às 14:59  comentar

11.9.09

Temos visto nas noticias, que as Grávidas são um Grupo de Risco. Mas que cuidados especiais devem tomar e como podem proteger os seu Bebés. Como a Gripe A é uma doença nova ainda não existem estudos aprofundados e portanto, mesmo entre a comunidade médica ainda existem algumas duvidas. Em baixo ficam algumas recomendações compiladas no Portal da Saúde e no site da Organização Mundial de Saúde:

 

AMAMENTAÇÃO:

As mães não doentes com o vírus da gripe A(H1N1)v, deverão ser encorajadas a iniciar precocemente a amamentação e a amamentar com frequência os seus filhos.

  • Idealmente os bebés deverão receber sobretudo leite materno. Eliminar a desnecessária substituição com fórmulas para lactentes, ajudará os bebés a adquirir um maior número de anticorpos maternos (Anticorpos são proteínas fabricadas no corpo pelo sistema imunitário que ajudam a combater a infecção).
  • Os recém-nascidos têm um elevado risco de doença grave com este novo vírus da gripe A(H1N1)v e muito pouco se sabe, ainda, sobre a prevenção da gripe A. Se viável apenas os adultos saudáveis deverão cuidar dos recém-nascidos, inclusive para os alimentar.
  • O risco de transmissão através do leite é desconhecido. No entanto, os estudos efectuados sobre a presença de vírus no leite humano na gripe sazonal, sugerem que esse risco é raro, pelo que se supõe que a passagem deste vírus no leite seja também pouco provável.
  • As mulheres doentes com a infecção pelo vírus da gripe A(H1N1)v podem extrair o leite, para recipientes próprios, e solicitar a um membro da família que esteja saudável que o dê ao bebé.

PROTEGER O BEBÉ DA GRIPE A:

  • Tenha um cuidado extra em lavar frequentemente as mãos, com água e sabão, durante 15 a20 segundos, ou com uma solução alcoólica.gravidas e a gripe a
  • Mantenha o bebé afastado de pessoas doentes.
  • Limite a permuta de brinquedos com outras crianças sobretudo se os levam à boca.
  • Lave frequentemente com água e sabão os objectos que o bebé ponha na boca.

Quando tratamos com recém-nascidos todo o cuidado é pouco, devemos ter especial atenção e tal como referido acima é importante afastar os Bebé de pessoas que apresentem sintomas da doença, mesmo que seja a mãe. Neste caso a amamentação deve continuar porque os recém-nascidos não amamentados têm menor capacidade de se defenderem da infecção pois não dispõem dos anticorpos protectores que passam no leite das mães.


Artigos Relacionados:

tags: ,
link do postPor Babuíno, às 15:17  comentar


 
arquivos
comentários recentes
Obrigado pelo comentário. O meu conselho é que pro...
Estou com gripe e tive febre por tres dias . Tomei...
De facto o principal foco de confusão sobre a doen...
Obrigado por partilhar a sua experiência.De facto ...
tenho gripe A confirmada e contaminada no trabalho...
Acerca da Gripe A, pandemia mundial, tenho algumas...
Preocupa-me a tentativa de condicionamento da opi...
Quem será dispensável? http://chazadas.blogspot.co...
Olá Ana obrigado pelo comentário.Toca a congelar o...
Olá obrigado pelo comentário.De um modo geral nos ...